Politics

Turquia anuncia que não vai adotar sanções econômicas contra a Rússia


“Acreditamos que as sanções não resolverão o problema”, disse o chanceler Mevlut Cavusoglu


Siga o Brasil 247 no Google News

ANCARA, TASS – A Turquia não aderirá às sanções que alguns países ocidentais impuseram à Rússia sobre a operação especial na Ucrânia, disse o ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu, em um fórum diplomático em Antália no domingo.

“Acreditamos que as sanções não resolverão o problema”, disse ele quando questionado sobre a posição da Turquia em relação às sanções contra a Rússia. “Tome o espaço aéreo. De acordo com a Convenção de Montreux, não temos poder para fechá-lo. Isso é uma obrigação legal.”

Enquanto isso, o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, disse à margem do fórum diplomático que a aliança espera que todos os seus membros imponham restrições a Moscou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O presidente russo, Vladimir Putin, em 24 de fevereiro, lançou uma operação militar especial na Ucrânia após um pedido de assistência dos líderes das repúblicas de Donbass. Ele disse que Moscou não tem planos para a ocupação de territórios ucranianos. Os Estados Unidos, a União Europeia, o Reino Unido e vários outros países disseram que estão introduzindo sanções contra pessoas jurídicas e pessoas físicas russas.

A Turquia disse repetidamente que não tinha intenção de aderir a sanções contra a Rússia para não prejudicar sua própria economia e manter a porta aberta para um diálogo com a Rússia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.