Politics

Turistas de navios com casos de Covid relatam momentos de desespero


Turistas de navios de cruzeiro que contabilizam dezenas de pessoas diagnosticadas com covid-19 relatam negligência e insegurança


Siga o Brasil 247 no Google News

247 – Turistas de navios de cruzeiro que contabilizam dezenas de pessoas diagnosticadas com covid-19 relataram à reportagem o que classificaram como negligência e insegurança pela falta de informações. A reportagem é do portal UOL. 

Um deles é o pesquisador Dennis Fujita, do Laboratório de Investigação Médica do Hospital das Clínicas de São Paulo, que está com a noiva a bordo do navio Costa Diadema, da empresa Costa Cruzeiros. O navio atracou na manhã desta quinta-feira (30) no porto de Salvador, na Bahia, com 68 casos positivos de covid-19 confirmados nas últimas 24 horas, segundo a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Há 56 tripulantes e 12 passageiros infectados.

Fujita relata um clima de insegurança sobre os novos rumos da viagem. Inicialmente, diz o pesquisador, a empresa avisou que, devido a protocolos da Anvisa, o tempo de parada em Salvador seria reduzido. No entanto, não houve liberação para desembarque na capital baiana. Das 12h até 17h30, conta Fujita, nenhum tripulante informou o que aconteceria com os passageiros.

Mais cedo, a Anvisa informou, em nota, que não autorizou a operação do navio em Salvador. Portanto, o embarque e o desembarque de viajantes estão proibidos até que seja finalizada uma investigação em andamento.

A determinação de quarentena ou até mesmo da suspensão das atividades do cruzeiro não está descartada pela agência.

Segundo Fujita, a situação dentro do navio é “desesperadora”.

“Está todo mundo aqui confabulando sobre o que vai acontecer. Se vai ter quarentena, se vai voltar para o porto de Santos”, afirmou. “O que mais deixa a gente preocupado é que não temos informações.”

O Costa Diadema chegou do porto de Santos, em São Paulo, e teria Ilhéus, na Bahia, como o próximo destino. Agora, Fujita diz que ninguém mais sabe o que vai acontecer. Ao todo, são 3.836 pessoas no navio —1.320 tripulantes e 2.516 passageiros, segundo a Anvisa.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.