Politics

‘Operação da PF contra Ciro acende alerta para o jogo sujo de Bolsonaro em 2022’, diz Kennedy Alencar


“Se o Brasil acha que viu o pior de Bolsonaro na campanha de 2018, não perde por esperar. O jogo sujo bolsonarista tende a ser ainda pior em 2022″, diz o jornalista Kennedy Alencar


Siga o Brasil 247 no Google News

247 – O jornalista Kennedy Alencar alerta em sua coluna no UOL, que “a operação da PF contra o ex-ministro e presidenciável Ciro Gomes dispara um alarme sobre o jogo sujo que uma Polícia Federal a serviço do político de Jair Bolsonaro pode fazer nas eleições de 2022”. 

Ainda segundo ele, “a PF se baseou em delações premiadas de executivos da Galvão Engenharia e que “hoje, diante de todos os abusos que ocorreram no âmbito da Lava Jato, delações premiadas devem ser vistas com reserva para justificar determinadas medidas judiciais”.

O jornalista destaca que “Bolsonaro nunca escondeu de ninguém o interesse em controlar investigações da PF, sobretudo aquelas que podem envolvê-lo e seus familiares. O conflito que resultou na saída de Sergio Moro do Ministério da Justiça se deveu a uma briga entre presidente e ministro pelo controle político da corporação”.

Ainda de acordo com ele, “o governo Bolsonaro derrete a olhos vistos” e que “nesse contexto, não deve ser subestimada a capacidade de Bolsonaro de usar a mentira como arma política de modo ainda mais acintoso do que em 2018”. “Agora, ele tem ao seu alcance instituições do Estado que busca moldar aos seus interesses eleitorais e jurídicos”, completa. 

“Se o Brasil acha que viu o pior de Bolsonaro na campanha de 2018, não perde por esperar. O jogo sujo bolsonarista tende a ser ainda pior em 2022. O genocida, com instrumentos de poder nas mãos, é movido pelo desespero de quem foge da Justiça e da polícia”, afirma o colunista.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.