Politics

Guerra na Ucrânia pode reduzir crescimento global em um ponto percentual, diz OCDE


Além da retração econômica, a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico alerta que a inflação global poderá subir até 2,5 pontos percentuais


Siga o Brasil 247 no Google News

Reuters – A crise na Ucrânia pode cortar mais de um ponto percentual do crescimento global este ano e acrescentar 2,5 pontos à inflação, estimou a OCDE nesta quinta-feira, pedindo aumentos dos gastos de governos em resposta.

Aumentos bem direcionados de gastos governamentais dos países da OCDE na ordem de 0,5% do PIB podem reduzir o impacto econômico da guerra em cerca de metade sem aumentar de forma significativa a inflação, disse a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Com a Europa fortemente dependente das importações de energia russa, o impacto negativo da guerra à economia da zona do euro pode chegar a 1,4%, enquanto nos Estados Unidos seria de cerca de 0,9%, estimou a OCDE em uma análise das consequências econômicas da guerra.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Embora Rússia e Ucrânia respondam por apenas 2% do PIB global, os dois países têm impacto enorme sobre os mercados de energia e commodities, já que são importantes produtores de matérias-primas usadas em tudo, de catalisadores a carros e fertilizantes.

Como os saltos nos preços de energia e commodities apresentam nova pressão sobre a inflação já elevada, a OCDE disse que os bancos centrais devem se focar na normalização da política monetária, embora um ritmo mais lento seja justificado em países onde as consequências econômicas da guerra sejam piores.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

close