Politics

Governo toca sirenes em Kiev e manda população procurar abrigo imediatamente (vídeo)


Espera-se o maior ataque aéreo desde o começo da invasão russa em instantes, disse uma parlamentar ucraniana


Siga o Brasil 247 no Google News

247 – Com o cair da noite em Kiev, capital da Ucrânia, foram soadas sirenes em diferentes pontos da cidade para anunciar os moradores de um possível ataque iminente. Por volta de 1h da manhã deste domingo (27) no país (20h de sábado em Brasília), o governo ucraniano ordenou à população que procure abrigos antiaéreos imediatamente. 

“Kiev será atacada como nunca foi visto”, alertou pelo Twitter a parlamentar ucraniana Lesia Vasylenko.

No terceiro dia de ataques da Rússia contra a Ucrânia, há relatos de ataques à infraestrutura militar ucraniana em todo o país e de comboios russos chegando de todas as direções.

Segundo o The Kyiv Independent, da Ucrânia, “fogo da artilharia russa atingiu o hospital de câncer infantil de Kiev, Okhmadyt, matando uma criança e ferindo duas, além de dois adultos, informou a TSN”. O jornal informa que “testemunhas oculares relataram que a cidade está sob fogo de sistemas de foguetes de lançamento múltiplo”.

“Todas as cidades e pequenos vilarejos estão sob ataque”, disse a embaixadora da Ucrânia nos EUA Oksana Markarova. Segundo ela, a Rússia atacou navios no mar Negro e destruiu uma represa perto de Kiev.

Após pausa, Rússia ordena tropas a avançar

As Forças Armadas da Rússia receberam ordens de desenvolver sua ofensiva sobre a Ucrânia “a partir de todas as direções”, após uma pausa na sexta-feira, 24, informou mais cedo a agência de notícias AFP, com base em informações do Ministério da Defesa russo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Depois que o lado ucraniano rejeitou o processo de negociação, hoje todas as unidades receberam ordens para desenvolver o avanço a partir de todas as direções de acordo com os planos da operação”, disse o porta-voz do exército russo Igor Konashenkov, em comunicado.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247




Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

close