Politics

Desastre de Brumadinho: 264ª vítima é identificada


Lecilda de Oliveira tinha 49 anos e era funcionária da Vale. Ainda restam seis pessoas desaparecidas, dentre as 270 mortas


Siga o Brasil 247 no Google News

247 – O corpo da 264ª vítima do desastre da Vale, em Brumadinho, Minas Gerais, foi encontrado pela Polícia Civil em setembro e identificado nesta última quarta-feira (29), quase três anos depois do rompimento da barragem Córrego do Feijão. 

Lecilda de Oliveira nasceu em Brumadinho, tinha 49 anos, era mãe de dois filhos e trabalhava como analista de operação da Vale. No dia do rompimento, Lecilda estava na Mina do Córrego do Feijão. 

Naquele dia 25 de janeiro de 2019, 270 pessoas morreram. Destas, seis seguem desaparecidas. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.