Politics

Chefão do Globoplay foi a manifestações anti-Lula


No início de 2018, ele não apenas esteve presente na manifestação organizada pelo MBL, como fez questão de divulgar em suas redes sociais


Siga o Brasil 247 no Google News

247 – O chefão do Globoplay, Erick Bretas foi a eventos anti-Lula e contra o PT. No início de 2018, ele não apenas esteve presente na manifestação organizada pelo MBL – Movimento Brasil Líder – como fez questão de divulgar em suas redes sociais. Além disso, o executivo também fez posts defendendo o impeachment de Dilma Rousseff, em 2015. A reportagem é do portal Na Telinha.

A reportagem teve acesso a uma postagem do grupo de direita no Facebook, organizando um evento para o dia 3 de abril de 2018 com o título “Ou você vai, ou ele volta”. A frase é uma expressão pedindo para a população ir às ruas a fim de evitar que Lula voltasse à presidência. Naquele período, o petista liderava as intenções de voto com mais de 40% dos votos, segundo o Datafolha.

Além de compartilhar a postagem em seu perfil, Erick, que é responsável por aprovar projetos como o documentário sobre o caso de Celso Daniel,  deu a letra do que pensava à época. “Vamos”, escreveu. O chefão do Globoplay esteve presente, inclusive divulgou imagens dele próprio na manifestação. Lula acabou sendo preso quatro dias depois do protesto e só foi solto após o STF decidir que prisão em 2ª instância é inconstitucional. Pouco depois, o petista viu todas as sentenças anulados pela Justiça, que considerou o juiz Sergio Moro como suspeito, após vazamento de conversas dele com membros do MP.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além de convocar seus seguidores para o ato “Ou você vai, ou ele volta”, falando de Lula, o chefão do Globoplay, em 2015, foi taxativo em apoiar o impeachment de Dilma Rousseff. Em seu perfil no Facebook, ele chegou a substituir sua foto de exibição por uma em que se lia “Game Over”. Em outro momento, ele convocou a população a protestar pelo impeachment escrevendo a frase “Get up, stand up”.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

close